domingo, 3 de março de 2019

Roberto Carlos dá resposta surpreendente ao ser questionado sobre política de Bolsonaro quanto a armas


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Durante uma entrevista coletiva sobre a sua nova turnê “Emoções Em Alto Mar”, o cantor Roberto Carlos foi questionado por uma jornalista sobre a violência e a posse de armas. Ao formular a pergunta, a moça lamentou os níveis de criminalidade e violência e tentou induzir uma resposta contra o governo. A repórter disse: “Nada acontece, só piora. E o presidente da República está querendo que cada pessoa tenha uma arma em casa”. A pergunta da jornalista foi interrompida por sonoras vaias da plateia, o que levou o cantor Roberto Carlos a questionar à repórter o que ela achava que seria o motivo da desaprovação. 


Ouça: 

v

O cantor, então, respondeu: “Eu acho que nós vivemos uma guerra. E, na guerra, um lado está desarmado e o outro armado”, ao que a plateia reagiu com um estrondoso aplauso. Roberto Carlos relatou: “Eu cresci vendo o meu pai ter uma arma em casa. Numa gavetinha, com chave, e eu não mexia e não tinha acesso. Mas à noite ele tirava da gaveta aquela arma e botava perto dele na cabeceira. Uma preocupação que ele tinha com qualquer tipo de violência ou invasão. Ele protegia nossa casa dessa forma. Então, eu acho que é uma coisa que precisa ser analisada com muito cuidado porque, realmente, vivemos uma guerra com um lado armado e outro desarmado”. 

Leia também:
Com Medida Provisória, Bolsonaro proíbe desconto do imposto sindical do salário dos trabalhadores

Veja também: 








Correio do Poder 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...