quarta-feira, 5 de junho de 2019

Moro comemora aumento da venda de bens confiscados: ‘utilizar os recursos do tráfico de drogas contra o próprio crime’


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, informou que houve um aumento de 80% na arrecadação do Fundo Nacional Antidrogas (Funad), graças à venda de ativos. Moro disse: “Esse é um dos projetos estratégicos do MJSP. Queremos utilizar os recursos do tráfico de drogas contra o próprio crime, para financiar a segurança pública, o tratamento de dependentes e as políticas de prevenção. Estamos acelerando a alienação, via Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas, de bens confiscados e sequestrados do tráfico de drogas. A arrecadação já aumentou 80% comparando com o mesmo período do ano passado.  Ainda é pouco. Vamos dobrar, triplicar, quadruplicar a meta”.




Ouça: 


O ministro compartilhou um texto do portal do Ministério da Justiça e Segurança Pública, com mais detalhes. Leia:
A arrecadação do Fundo Nacional Antidrogas (Funad), de janeiro a maio deste ano, aumentou quase 80% comparado com anos anteriores. Entraram no caixa do fundo R$ 31,2 milhões este ano com venda de carros, fazendas, apartamentos e outros itens, contra R$ 17,4 milhões no mesmo período de 2018 e R$ 15 milhões no mesmo período de 2017.

Leia também:
Bolsonaro agradece carinho da multidão que o recebeu em Barra do Garças: ‘MUITO OBRIGADO!’
Ministro de Ciência e Tecnologia de Bolsonaro concede coletiva de imprensa sobre desenvolvimento aeroespacial 

Os recursos são advindos da venda, realizada pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad), de bens apreendidos em processos judiciais envolvendo tráfico de drogas. Vinculada ao Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), a Senad avalia que o resultado positivo é fruto da sensibilização política e convencimento técnico, com conversas presenciais, que a nova gestão da pasta tem feito junto ao Poder Judiciário em Brasília e nos Estados.
A meta, hoje, é limpar um estoque de 80 mil bens confiscados, além de criar, em breve, um site para alienar de imediato, a partir de decisões judiciais, os ativos confiscados de criminosos. O dinheiro do Funad financia políticas de prevenção e tratamento antidrogas e repassa verbas para os governos estaduais aplicarem em Segurança.
Veja também: 








Correio do Poder
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...