quarta-feira, 5 de junho de 2019

Deputado protocola pedido de ‘CPMI das fake news’ para investigar ‘interferência na democracia’


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O deputado Alexandre Leite protocolou um pedido de CPMI, que ele chamou de “CPMI do cyberbullying e das fake news”. Segundo o deputado, o pedido recebeu o apoio de 276 deputados federais e 48 senadores. Ainda segundo o deputado, ele pretende investigar o suposto aliciamento de menores de idade para o cometimento de suicídio e crimes graves contra os pais e, ao mesmo tempo, a suposta “interferência na democracia através de ataques cibernéticos a autoridades e instituições no Brasil”, sem descrição de qualquer fato determinado. 


Ouça: 

v

A proposta causou revolta na população, que questiona por que outras CPIs, consideradas mais urgentes e relevantes, não são instaladas, como a CPI da Lava Toga, que segue bloqueada pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre, apesar do intenso apoio popular, ou a CPI da UNE, que não consegue avançar nas Casas Legislativas. 

Leia também:
Paulo Guedes entra em confronto com deputada comunista Alice Portugal e rebate
URGENTE: Deputados esquerdistas perdem o controle emocional após Paulo Guedes rebater insultos e 'falar verdades'
Paulo Guedes faz apresentação brilhante ao ser convocado e voltar a ficar frente a frente com esquerdistas na Câmara
Janaína Paschoal desafia o 'politicamente correto' e expõe influência das drogas no cometimento de crimes
Ministro de Ciência e Tecnologia de Bolsonaro concede coletiva de imprensa sobre desenvolvimento aeroespacial


Veja também: 









Correio do Poder 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...