sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Justiça determina que votação no Senado sobre afastamento de Aécio deverá ser aberta


Imagem: Dida Sampaio/Estadão
O juiz Marcio Luiz Coelho de Freitas concedeu liminar proibindo o Senado de "adotar sigilo nas votações referentes à apreciação das medidas cautelares aplicadas ao Senador Aécio Neves". 



O pedido foi feito pelo juiz Eduardo Cubas, presidente da União Nacional dos Juízes Federais, que ingressou com ação popular na Justiça Federal em Brasília pedindo liminar para obrigar o Senado a adotar o voto aberto no caso Aécio Neves (PSDB-MG). Os senadores estavam articulando para que a votação fosse secreta. 

Resta saber se os senadores acatarão a ordem judicial.

Leia também: 

Veja também:







Correio do Poder
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...