domingo, 9 de julho de 2017

'Estado brasileiro canalha cobra, mas não entrega os passaportes. Só idiotas creem no Estado', afirma filósofo Pondé


Imagem: Produção Ilustrativa / Correio do Poder
O filósofo Luiz Felipe Pondé questionou toda a estrutura que ficou exposta com a decisão da Polícia Federal de deixar de emitir passaportes. Quando o cidadão requer um passaporte, ele paga uma taxa específica para a emissão do passaporte. A taxa, por sua vez, é bem maior do que o valor efetivamente utilizado para a confecção do passaporte. Ainda assim, os passaportes não foram emitidos sob a alegação de que a Polícia Federal não tem orçamento para suas atividades. Pondé mostra a conclusão a que se pode chegar: "Estado brasileiro canalha cobra, mas não entrega os passaportes. Só idiotas creem no Estado".



Leia também: 
'No Brasil, o fim do mundo tem reprise', afirma Ricardo Amorim sobre delação bombástica de Cunha
Deltan Dallagnol ataca dissolução de equipe da Lava Jato: 'Redução orçamentária não é desculpa para drenar força de trabalho. MPF no mesmo período ampliou equipes na Lava Jato. Trabalho não falta'
Procuradora convoca a população para protesto por 'Fora Lula, Fora Temer e Fora Aécio': 'Queremos um Brasil ético'


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...