sábado, 19 de dezembro de 2015

Médico critica Dilma e o PT em palestra e perde emprego; veja vídeo


Imagem: Reprodução/Youtube
O médico de família Joanis Samuel de Almeida, de 32 anos, foi demitido na terça-feira (15) pela ASF (Associação Saúde da Família) após criticar a gestão do PT (Partido dos Trabalhadores) durante palestra que ministrou sexta-feira passada (11), no 2º Congresso dos Agentes Comunitários de Saúde de Araçatuba. Veja o vídeo:

A dispensa foi comunicada pela OSS (Organização Social de Saúde) contratada pela Prefeitura para gerenciar a Atenção Básica, o que inclui a contratação dos médicos da ESF (Estratégia Saúde da Família). O médico explicou à Folha da Região, na quarta-feira (16), que foi convidado há quatro meses pela organização do congresso para dar uma palestra, com tema livre. Almeida escolheu falar sobre “Liberdade de expressão”. “Queria mostrar a diferença que existe entre o conceito de igualdade, hoje em dia muito deturpado, e o conceito de liberdade, que muito falta”, disse.

Em um vídeo, mostrado por ele no final da explanação, Almeida mostrou imagens da presidente Dilma Rousseff (PT) com o prefeito Cido Sério (PT), da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Umuarama, que ainda não foi inaugurada, e do Hospital da Mulher, que permanecerá aberto até 31 de janeiro de 2016. “Disse que, devido à desorganização administrativa, não tem financiamento para contratar profissionais para essas unidades. E finalizei com a palestra ‘Basta’ e ‘Fora Dilma e leve o PT junto’”, comentou. Tanto a Prefeitura quanto a ASF (Associação Saúde da Família) não responderam sobre os motivos da demissão.









Vídeos relacionados




  

Com Folha da Região
Editado por Correio do Poder
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...