segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Dilma impediu Lula de se candidatar e colunista especula que ela teria ameaçado falar sobre corrupção em Pasadena, relata Veja


Imagem: Montagem Ilustrativa / CP
No dia 2 de maio de 2014, cinco meses antes do primeiro turno das eleições presidenciais, Lula foi ao 14º Encontro Nacional do PT, no Centro de Convenções do Anhembi, em São Paulo, levando no bolso o discurso em que anunciaria sua candidatura à Presidência da República em substituição à presidente Dilma Rousseff. Lula estava radiante. Dilma, abatida. Antes que tivesse chance de falar aos delegados do encontro, Lula atendeu ao pedido de Dilma para uma conversa a sós. Eles conversaram durante vinte minutos trancados em uma sala. Lula saiu abatido. Dilma, radiante. Veja vídeo relatando o caso:


Ato contínuo, Rui Falcão, presidente do PT, pediu aos 800 delegados presentes que, se concordassem com a indicação de Dilma como candidata, erguessem seus crachás vermelhos. Quando a presidente e seu padrinho irromperam diante da plateia, a candidata era Dilma. O “Volta, Lula” estava enterrado. Lula falou de improviso e não rimou lé com cré.

Vídeos relacionados



Um ano e quatro meses depois, um dos dois mistérios daquele dia — o que Dilma disse a Lula — começa a ser desvendado. Dilma trouxe à baila o assunto da compra da Refinaria de Pasadena, negócio fechado no governo Lula quando ela era a presidente do Conselho de Administração da Petrobras. Recentemente, Nestor Cerveró, diretor da estatal condenado na Operação La­va-Jato, disse que da propina na negociação da Refinaria de Pasadena foram tirados 4 milhões de reais, entregues depois à campanha de reeleição de Lula em 2006. Se não foi algo relacionado a esse fato o que mudou o humor de Lula, então sabe-se lá o que Dilma disse ao ex-presidente que possa ser ainda mais chocante.

O conteúdo do discurso que Lula faria no lançamento abortado de sua candidatura é intrigante. Quem leu antes ficou com a impressão de que tinha muita amargura para quem se dispunha a iniciar uma caminhada eleitoral.


As informações são de Lauro Jardim, da Veja
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...